Geladeira sustentável: 4 dicas para reduzir o consumo de plástico

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp

O plástico é uma presença constante em nossas vidas e está por todo lado que se olha: nas embalagens de produtos, como parte do ingredientes de cosméticos, nos celulares, entre outros. Essa onipresença é tão grande que faz com que a redução no consumo pareça uma tarefa quase impossível. Mas na verdade não é!

No texto de hoje vamos mostrar algumas dicas que visam diminuir o consumo de plástico e deixar a sua geladeira mais sustentável. Confira!

1. Optar por garrafas reutilizáveis

Você sabia que as garrafas PET são o tipo de lixo mais encontrado nos oceanos? Foi o que revelou uma reportagem realizada pela BBC News. Além disso, em 2020 produzimos mais de 500 milhões de toneladas de plástico, 900% a mais do que em 1980. Esse aumento gradativo que vem acontecendo deve-se, principalmente, ao descarte irregular, que é uma prática comum no país e que agrava muito a situação de poluição da natureza.

Para reduzir esse impacto negativo, uma das medidas é dar o destino correto para as garrafas de plástico após o uso. E qual destino é esse? Reciclagem. Procure na sua cidade pontos que façam a coleta desse tipo de material para que ele possa ser reciclado e reutilizado da melhor forma.

Outra medida, essa ainda mais eficaz pensando no longo prazo, é diminuir o consumo de produtos que venham em garrafas de plástico. Fazer a substituição por modelos reutilizáveis, como vidro, inox ou silicone, são muito mais viáveis em termos de sustentabilidade. No mercado já é possível encontrar boas alternativas, portanto vale a pena ficar atento.

2. Comprar alimentos a granel

Outra forma de reduzir o consumo de plástico é consumir mais alimentos a granel.  Ao dispensar a compra de produtos embalados em plástico, você estará automaticamente reduzindo  a utilização desse material que é tão prejudicial para a natureza.

Para armazená-los com segurança, basta colocar em recipientes de vidro (preferencialmente herméticos). Assim, é possível criar hábitos sustentáveis e ao mesmo tempo ter em casa alimentos mais naturais e saudáveis, livres das toxinas que são normalmente liberadas pelo plástico.

3. Dar preferência para os recipientes de vidro

Além de garrafas, dar preferência para outros tipos de recipientes de vidro para armazenar alimentos, principalmente na geladeira, é uma excelente forma de diminuir o consumo de plástico. Afinal, o que não costuma faltar nas cozinhas de boa parte dos brasileiros são os famosos potes de plástico. Portanto, buscar novas formas de armazenamento é uma das soluções mais sustentáveis que se pode adotar no dia a dia.

Entre as vantagens dos recipientes de vidro estão a maior durabilidade e também a resistência à absorção dos cheiros das comidas. Além disso, geralmente eles são capazes de suportar tanto temperaturas mais altas quanto mais baixas. Logo, eles podem ser utilizados tanto na geladeira e freezer quanto no forno e microondas.

4. Usar bioembalagens

Uma pesquisa realizada nos Estados Unidos mostrou que até 2040 é esperado que a quantidade de lixo plástico descartado na natureza triplique. Já imaginou o tamanho do impacto que isso pode gerar?

Uma solução criada recentemente, e que busca frear esse movimento, são as bioembalagens. Elas são consideradas uma boa alternativa, principalmente para evitar o uso do plástico filme. E também ajudam a conservar os produtos frescos por mais tempo na geladeira. 

Agora que você viu como é possível reduzir o consumo de plástico e ter uma geladeira mais sustentável, que tal começar o quanto antes a adotar alguma dessas dicas na sua casa? Se você conhece outras dicas que podem ajudar nessa missão, não deixe de compartilhar com a gente nos comentários.

COMPARTILHE
Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on whatsapp
WhatsApp
Abra o Chat